InícioDestaqueSenado cria comissão para fiscalizar ações contra incêndios no Pantanal

Senado cria comissão para fiscalizar ações contra incêndios no Pantanal

- Anúncio -spot_img

(Foto: José Medeiros/Globo Rural)


O Senado instalou, nesta quarta-feira (16/9), uma comissão temporária externa para acompanhar as ações de enfrentamento aos incêndios que há pelo menos dois meses destroem o Pantanal. 

A proposta de criação do grupo foi apresentada pelo senador Wellington Fagundes (PL-MT), que presidirá o colegiado. Ainda farão parte três senadores pelo Mato Grosso do Sul: Nelsinho Trad (PSD), que será relator, Simone Tebet (MDB) e Soraya Thronicke (PSL), além do próprio Fagundes.

Além de monitorar o enfrentamento aos incêndios, os parlamentares vão verificar providências adotadas para evitar novos focos, como a limpeza dos locais já atingidos e a proteção das comunidades atingidas; da fauna e da flora.

A comissão também observará a transparência das atividades coordenadas pela Operação Pantanal, deflagrada pelo Ministério da Defesa em 25 de julho – inicialmente para combater os incêndios no Pantanal sul-mato-grossense, mas ampliada, no dia 5 de agosto, para o bioma mato-grossense.

Em agosto, pesquisadores do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) já haviam apontado que a seca no Pantanal brasileiro é a mais intensa dos últimos 60 anos, afetando o ciclo das águas na região, o que favorece a ocorrência de incêndios naturais e a propagação do fogo resultante da ação humana.

Autoridades estimam que a área destruída pelas chamas já esteja próxima aos 3 milhões de hectares. Na segunda-feira (14/9), os Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul decretou situação de emergência ambiental.

Veja Mais

- Anúncio -spot_img

Enquete

O que você esta achando da atual administração do seu Município?

- Anúncio -spot_img

Estamos Conectados

16,985FãsCurtir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever

Mais Lida

- Anúncio -spot_img

Matérias Relacionadas

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui