CBF adiou oito partidas por casos de Covid-19 na volta do futebol. Na Série D, Palmas teve apenas dois no banco

0
6
CBF adiou oito partidas por casos de Covid-19 na volta do futebol. Na Série D, Palmas teve apenas dois no banco

Série A teve adiamento na primeira rodada, na B, foram quatro partidas, na C, duas, e na D mais uma. Time do Tocantins, que perdeu por 3 a 1, pediu adiamento, mas foi negado no STJD

A CBF recebeu pedido de adiamento do Palmeiras x Flamengo. O time carioca soma sete casos positivos de Covid-19 no elenco dias antes do confronto de domingo contra os paulistas. Nessa terça-feira, o Rubro-Negro venceu por 2 a 1 o Barcelona, em Guayaquil.

O Palmeiras já se posicionou contra a remarcação do jogo. Em nota, o clube paulista disse que “o protocolo adotado para a competição contempla situações desse tipo. Não há, portanto, razão para que o jogo não aconteça.”

O protocolo da CBF prevê novos exames antes de cada partida nos jogadores relacionados pelos clubes. Ou seja, o Flamengo, caso não consiga o adiamento, deve indicar seus 23 atletas a serem testados para levar para São Paulo,.

Foram oito partidas adiadas pela CBF desde a retomada das competições, no início de agosto. No último fim de semana, a CBF decidiu pelo adiamento de uma partida – Guarany (CE) x Salgueiro (PE), com 12 de 24 do time cearense com Covid-19 – e outra foi realizada com apenas 13 jogadores disponíveis num dos times. Foi o caso de Villa Nova (MG) 3 x 1 Palmas (TO).

O time do Tocantins teve oito jogadores que deram positivo com Covid-19, pediu adiamento da partida, mas foi indeferido no STJD. O time tem 31 atletas inscritos e ainda tinha 17 no elenco, fora os oitos com Covid-19. O Palmas, porém, lembrou que, por força do regulamento, só poderia relacionou cinco cinco amadores. Resultado: levou ao banco apenas dois jogadores (sem goleiro).

Banco à direita, do Palmas, com apenas dois atletas no estádio do Villa Nova — Foto: Reprodução

Banco do Palmas com dois atletas, mas sem goleiro. Foram duas substituições no time do Tocantins contra cinco nos mineiros — Foto: Reprodução

Sete adiamentos em agosto

Na Série A, somente na primeira rodada, no confronto Goiás x São Paulo, houve adiamento. Os goianos tiveram 10 casos confirmados de Covid-19 e a partida terminou adiada com o time são-paulino já em campo.

Na mesma data da partida adiada pela Série A, o duelo Treze (PB) e Imperatriz (MA), pela Série C, foi adiado. No comunicado da CBF, eram 12 infectados entre os 19 inscritos do time maranhense. Cinco dias depois, o confronto Imperatriz x Jacuipense também foi suspenso, na antevéspera da partida (marcada anteriormente para o dia 15 de agosto). A CBF comunicou que eram 14 dos 19 inscritos com teste positivo para Covid-19.

Na Série B, o CSA-AL e o Sampaio Corrêa-MA tiveram dois jogos adiados cada. Os alagoanos tinham 18 dos 31 inscritos positivos na partida do dia 12 de agosto, que seria contra a Chapecoense. E 20 dos 31 inscritos com Covid-19 no jogo seguinte (diante do Cuiabá).

Antes, na primeira rodada da Série B, o CSA venceu o Guarani, mesmo depois de ter nove jogadores com exame positivo de Covid-19.

O Sampaio Corrêa adiou suas partidas de 19 (contra o Figueirense) e 23 de agosto (Brasil de Pelotas-RS), quando tinha 9 de 26 inscritos positivos e 14 de 27 inscritos positivos, respectivamente, de acordo com informações de comunicados da CBF.

O último adiamento saiu nesse domingo, dia 20 de setembro, quando foi suspenso o confronto Guarany de Sobral x Salgueiro, pela Série D. O time de Sobral tinha 12 jogadores positivos em elenco de 24 atletas inscritos. A CBF informou ainda que dos 12 restantes, apenas nove tinham condições de jogo.

  • 9/8 – Treze (PB) x Imperatriz (MA) – Jogo da Série D seria realizado dia 9. CBF justificou por 12 dos 19 inscritos do grupo do Imperatriz com Covid-19
  • 9/8 – Goiás x São Paulo – Jogo da Série A seria realizado dia 9. Foram 10 positivos no grupo goiano.
  • 11/8 – Chapecoense x CSA (AL) – Jogo da Série B seria realizado dia 12. CBF justificou com 18 dos 31 inscritos pelo CSA com Covid-19.
  • 13/8 – CSA (AL) x Cuiabá – Jogo da Série B seria realizado dia 15. CBF justificou com 20 dos 31 inscritos pelo CSA com Covid-19.
  • 13/8 – Impetratriz (MA) x Jacuipense (BA) – Jogo da Série C seria realizado dia 15. CBF justificou com 14 dos 19 inscritos pelo Imperatiz com Covid-19.
  • 19/8 – Sampaio Corrêa (MA) x Figueirense – Jogo da Série B seria realizado dia 19. CBF justificou com 9 dos 26 inscritos pelo Sampaio com Covid-19.
  • 21/8 – Brasil (RS) x Sampaio Corrêa (MA) – Jogo da Série B seria realizado dia 23. CBF justificou com 14 dos 27 inscritos pelo Sampaio com Covid-19.
  • 20/9 – Guarany (CE) x Salgueiro (PE) – Jogo da Série D seria realizado nesse domingo. CBF justificou com 12 de 24 inscritos com Covid-19. Acrescentou: dos 12 restantes, nove não tinham condições de jogo.

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui