Corinthians ameaça não jogar mais o Brasileirão se torcida só for liberada no Rio de Janeiro

0
27
Corinthians ameaça não jogar mais o Brasileirão se torcida só for liberada no Rio de Janeiro

Andrés Sanchez, presidente do Corinthians, se manifestou na noite desta sexta-feira sobre a possível volta de público aos jogos do Campeonato Brasileiro realizados no Rio de Janeiro.

De acordo com o post de Andrés no Twitter, o Corinthians vai se recusar a entrar em campo se os outros times da Série A, além dos cariocas, não tiverem as mesmas condições.

– O Corinthians só aceita a volta do público aos estádios se todos os times da Série A tiverem a mesma oportunidade, independente do estado ou cidade. Se não forem as mesmas condições pra todos não entraremos em campo – escreveu o presidente do Corinthians.

Andrés Sanchez, presidente do Corinthians — Foto: Marcos Ribolli

Nesta sexta-feira, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, disse que o duelo entre Flamengo e Athletico, marcado para o dia 4 de outubro, no Maracanã, terá 1/3 de público total liberado.

A CBF ainda precisar dar o aval para o retorno de público ao Maracanã. Em contato com o ge, Andrés Sanchez disse ainda que já comunicou a entidade do posicionamento do Corinthians.

Veja abaixo o post de Andrés Sanchez:

O Corinthians só aceita a volta do público aos estádios se todos os times da Série A tiverem a mesma oportunidade, independente do estado ou cidade. Se não forem as mesmas condições pra todos não entraremos em campo

September 19, 2020

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui