Zema diz que Minas Gerais tem 90% de chance de entrar em lockdown

0
17
Zema diz que Minas Gerais tem 90% de chance de entrar em lockdown

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), declarou em entrevista à TV Globo, nesta quarta-feira (24), que há 90% de chance de que seja decretado lockdown no estado. Ainda de acordo com Zema, a inclinação da curva referente ao número de casos de Covid-19 está se tornando cada vez mais inclinado, indicando uma aceleração da doença em direção a um pico que deve ocorrer em meados de julho.

Para o governador, é possível que seja necessário decretar lockdown nas próximas semanas em regiões específicas do estado, onde a incidência da pandemia se mostra mais intensa. A adoção de uma quarentena mais rígida, que pode envolver bloqueio total das atividades, já ocorreu em 4 capitais brasileiras: Fortaleza, São Luiz (Nordeste), Belém e Macapá (Norte).

O boletim epidemiológico divulgado nesta quarta registrou 51 novos óbitos e 1.446 infecções confirmadas nas últimas 24 horas. No total, o estado contabilizou 771 mortes até o momento e 31.343 casos confirmados.

Está prevista uma live na noite desta quarta-feira, às 21h, no Instagram oficial de Romeu Zema, em que o governador deverá anunciar as próximas etapas e medidas para se enfrentar a pandemia.

Zema informou, ainda, que a Polícia Militar passará a abordar pessoas transitando sem máscaras a partir de quinta (25). A decisão foi tomada após reunião de prefeitos da região metropolitana de Belo Horizonte com os secretários de Saúde do estado, pedindo auxílio da PM para fiscalizar o cumprimento de medidas de isolamento.

Médicos de BH alertam para aumento de casos

Em carta assinada por 50 médicos intensivistas da rede municipal, profissionais alertam para a gravidade da situação na capital mineira, com o aumento do número de pacientes internados em leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Segundo o texto, que tem circulado pelas redes sociais e pelo WhatsApp, a taxa de ocupação de leitos do SUS na cidade apenas não atingiu um nível mais crítico devido à recente abertura de 30 novos leitos de UTI.

Ainda assim, 86% dos espaços disponíveis já estão ocupados na capital.

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), o índice de ocupação geral dos leitos de UTI no estado é de 90,66% e de 76% do espaço disponível em enfermarias. Dos 2.964 leitos de UTI disponíveis no SUS, cerca de 16% estão ocupados por pacientes com Covid-19.

A carta traz um pedido à população para que sejam respeitadas as medidas de distanciamento social e de prevenção para que a doença não se alastre ainda mais.

Diante do aumento de casos, o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), anunciou na terça-feira (23) que deverá adotar medidas mais rígidas na tentativa de reduzir a velocidade com que a doença tem se propagado.

Não perca a nossa página no Facebook!

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui