Bruno Covas revela resultado positivo de teste para coronavírus

0
10
Bruno Covas revela resultado positivo de teste para coronavírus

O coronavírus tem mais um impacto na política brasileira. Neste sábado, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, revelou que foi diagnosticado com a Covid-19 nas redes sociais e em nota publicada pela prefeitura paulista no começo da noite deste sábado (14).

Covas passou por teste de rotina que diagnosticou a presença do vírus em seu organismo. O prefeito paulistano vem passando por tratamento contra o câncer desde o final de 2019.

Mensagem de Bruno Covas

Em suas redes sociais, o prefeito de São Paulo divulgou o resultado dos exames e afirmou não estar sentindo sintomas de coronavírus. Mas que ficará em casa trabalhando sob recomendação de David Uip, seu médico pessoal.

Na mensagem, Bruno Covas declarou que não irá se licenciar do cargo de prefeito para se tratar da Covid-19 e que irá procurar trabalhar dentro de casa, se reunindo com seu gabinete via online. O mandatário paulistano revelou que tinha feito outros quatro testes para detectar a doença, todos negativos.

Tratamento contra o câncer

Nos últimos meses, o prefeito de São Paulo tem enfrentado outra batalha no campo da saúde, mas desta vez, contra o câncer. Covas inicialmente foi internado em outubro, com erispela (infecção na perna). O problema acabou causando uma trombose venosa profunda na perna direita e evoluiria posteriormente para uma embolia.

Um tumor, na região de transição entre esôfago e estômago (conhecida como cárdia), foi detectado durante exames.

Uma metástase (quando o tumor se expande para outros órgãos) encontrou também problemas nos gânglios linfáticos e no fígado do prefeito.

Desde então, Bruno Covas tem feito sessões de quimioterapia para tentar cessar a presença do tumor. Foram oito administrações do tratamento, mas estes não acabaram surtindo o efeito desejado contra o câncer diagnosticado.

O mais recente boletim médico sobre a doença foi publicado em 28 de abril. No documento, a equipe médica do Hospital Sírio-Libanês, em que Covas está fazendo o tratamento contra o câncer, aponta a existência de tumores nos linfonodos. O problema faz com que o prefeito de São Paulo tenha que seguir com tratamentos para se curar.

O mandatário paulistano passou no final de maio por exames de controle dos tumores, estes feitos por ressonância magnética. Apesar de notar que o tratamento estaria se tornando eficaz, o problema requer que Covas passe pelo tratamento de imunoterapia endovenosa a cada três semanas.

Bruno Covas foi internado em maio

Em maio, o prefeito voltou a ser internado, desta vez devido a um desconforto abdominal. Os exames indicaram uma colite autolimitada, uma inflamação no intestino que melhora de forma espontânea. Dois dias depois da internação, recebeu alta.

Na última sexta-feira (5), Covas deixou o período de isolamento social que se submeteu, dormindo em seu gabinete na Prefeitura, também gerado para evitar complicações dos tumores.

O prefeito retornou para sua casa e passou a dormir em sua residência desde que São Paulo passou a fazer a flexibilização da quarentena.

Não perca a nossa página no Facebook!

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui