Uefa garante ‘plano concreto’ para retorno da Liga dos Campeões

0
8
Uefa garante ‘plano concreto’ para retorno da Liga dos Campeões

Em entrevista concedida à emissora BeIN Sports, do Qatar, na última segunda-feira (18), o presidente da União das Associações Europeias de Futebol (Uefa), Aleksander Ceferin, ratificou a ideia de terminar as temporadas da Liga dos Campeões da Europa, paralisada por conta da pandemia do coronavírus desde o mês de março, até o final do próximo mês de agosto. Segundo o dirigente, há um “plano concreto” capaz de viabilizar a retomada das partidas no torneio continental.

“Temos um plano concreto para terminar a temporada europeia. É claro que teremos que jogar sem espectadores nos estádios. Temos uma ideia, mas temos que esperar pelo Comitê Executivo da Uefa para confirmar as datas.

Posso dizer que a temporada europeia estará concluída, se tudo estiver como está agora, em agosto”, disse o mandatário, que, no entanto, descartou, nesse momento, jogos com torcida nos estádios.

Vale lembrar que a Liga dos Campeões foi suspensa com alguns times já definidos nas quartas de final, mas ainda tendo confrontos das oitavas a serem realizados. Também de acordo com Ceferin, o mesmo planejamento vai ser usado para a Liga Europa, segundo torneio de maior importância do futebol do Velho Continente e interrompido logo após o fim da primeira fase.

Ceferin fala sobre futuro de competições nacionais

No sábado passado, com a goleada de 4 a 0 do Borussia Dortmund sobre o Schalke 04, a Bundesliga (Campeonato Alemão) tornou-se, oficialmente, a primeira competição de futebol profissional de grande porte a ser reiniciada.

Os torneios da Inglaterra, de Portugal, da Itália e da Espanha, outros países afetados pelo coronavírus, também estão perto de voltarem a ter partidas disputadas. Questionado, Alexsander Ceferin confia que 80% dos campeonatos nacionais devam ser retomados na Europa.

Em contrapartida, por decisão de cada um dos respectivos governantes, na França, na Holanda e na Bélgica, decidiu-se pelo fim antecipado das respectivas competições.

Para o presidente da Uefa, mesmo tendo de se respeitar o que foi definido por cada uma das autoridades daqueles países, foi uma decisão prematura.

Ceferin também ressaltou o fato de dois clubes franceses, no caso, Paris Saint-Germain e Olympique de Lyon, estarem disputando a Liga dos campeões e, devido ao encerramento precoce do Campeonato Francês, ficarão sem jogar até agosto.

Para o dirigente da Uefa, esse longo período de inatividade pode ser fatal para o futuro de ambos na competição.

O Paris Saint-Germain, ao menos, garantiu a sua vaga nas quartas-de-final ao eliminar o Borussia Dortmund, depois de perder por 2 a 1 na Alemanha e vencer, na França, pelo placar de 2 a 0. Já o caso do Lyon é um pouco mais complicado. Na ida, em casa, venceu a Juventus, de Turim, do craque português Cristiano Ronaldo, pelo placar de 1 a 0 e, agora, precisa segurar o adversário dentro de seus domínios. Menos mal, para os franceses, que um empate é o suficiente.

Não perca a nossa página no Facebook!

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui