Coronavírus: Brasil registra 749 mortes nas últimas 24 horas

0
13
Coronavírus: Brasil registra 749 mortes nas últimas 24 horas

Segundo os dados atualizados do Ministério da Saúde, 749 óbitos por coronavírus foram registrados nas últimas 24 horas no Brasil. O país já conta com 13.149 mortes por Covid-19 e 188.974 casos confirmados da doença. De ontem para hoje, 11.385 novos diagnósticos foram realizados.

Coronavírus pode ‘nunca desaparecer’

Segundo a OMS, se medidas duras não forem tomadas, o coronavírus pode nunca desaparecer e, assim, se tornar uma doença endêmica. A declaração foi dada pela organização nessa quarta-feira (13) e destacou que, mesmo que uma vacina seja feita, as medidas de prevenção ainda serão necessárias.

Além do alerta, a OMS também destacou que o futuro da pandemia está nas mãos de líderes e da sociedade e, como provaram alguns governos, é possível lidar com essa crise. Michael Ryan, diretor de operações da entidade, disse: “Temos um novo vírus entrando na população pela primeira vez. Portanto, é muito difícil prever quando vamos vencer”.

Brasil superou a França em número de infectados

A Universidade Johns Hopkins realizou levantamento e apontou que o Brasil já superou a França em número de infectados pelo novo coronavírus nessa quarta-feira (13). Na frente do Brasil no ranking estão os países: EUA, Rússia, Espanha, Reino Unido e Itália.

O ranking é atualizado constantemente e aponta que 4,2 milhões de pessoas já foram infectadas pelo novo coronavírus no mundo todo.

Os Estados Unidos estão em primeiro lugar e já têm 1,42 milhão de infectados e 84.382 mortes pelo coronavírus.

Subnotificação dos casos

O ranking da universidade é montado de acordo com o balanço oficial divulgado pelos governos, portanto, não representa o número real de casos de coronavírus.

Conforme divulgado terça-feira (12), o Brasil já havia realizado 482.743 exames, dos quais cerca de 145 mil ainda aguardavam resultado.

Esse número é relativamente baixo e a prioridade na testagem são os pacientes hospitalizados que estão em estado grave, e, assim, o número de subnotificação é elevado.

Vermífugo é testado no Brasil

O vermífugo Nitazoxanida está sendo testado contra o coronavírus por pesquisadores no país. O laboratório Farmoquímica (FQM) e hospitais do estado de São Paulo são os líderes da iniciativa que engloba 50 pacientes com quadro moderado da doença.

O gerente executivo de Assuntos Médicos e Pesquisa Clínica da FQM, Vinicius Blum, explicou: “A primeira pergunta que queremos responder é se a medicação reduz a carga viral. Sabemos que, na Covid, uma maior carga viral está relacionada a uma evolução mais grave e tormentosa”.

Não perca a nossa página no Facebook!

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Veja Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui